Secretaria do Meio Ambiente de Maragogi discute assuntos importantes para o desenvolvimento do município

A Secretaria de Meio Ambiente de Maragogi se reuniu com membros do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente de Maragogi – COMDEMA, para discutir dois assuntos de fundamental importância para o desenvolvimento sustentável do município: a apresentação dos representantes da empresa SEE BRASIL e o Plano Municipal de Saneamento Básico.

A empresa SEE BRASIL, especializada em produção de energia renovável, tendo como matéria prima, resíduos que contêm em sua composição o carbono (CO²), se propõe a instalar uma planta industrial destinada a utilizar os resíduos sólidos gerados no município e a partir deles produzir gás, que pode ser transformado em diversas fontes de energia primária, inclusive energia elétrica.

Todavia, mesmo sendo uma alternativa ambientalmente correta, os aterros sanitários exigem grandes áreas para funcionar e sua complexa e custosa operacionalização são fatores a ser considerados, motivo pelo qual a proposta de uma usina de produção de gás, a partir da combustão do lixo, afigura-se como excelente alternativa, por não gerar resíduos, além de viabilizar a transformação de um passivo ambiental para uma fonte energética de alto valor agregado.

A segunda pauta do dia consistiu na apresentação feita pelo Sr. Lourenço Brotas, integrante da equipe de trabalho do prefeito Sérgio Lira, que fez um balanço das etapas inerentes à construção participativa do Plano Municipal de Saneamento Básico, exigência legal contida na Lei nº 11445/2007, para que o município possa acessar recursos federais destinados ao financiamento de sistemas de esgotamento sanitário, melhoria na oferta e distribuição de água potável, drenagem de águas pluviais e o manejo adequado de resíduos sólidos, estando o citado Plano prestes a ser enviado à Câmara Municipal e com isto, ser transformado em lei conforme determina a legislação vigente.

Submetido à apreciação, o Plano foi aprovado por unanimidade pelos conselheiros presentes, e, com isto, apto a ser encaminhado ao Poder Legislativo Municipal.

O prefeito Sérgio Lira, ao término das apresentações, mostrou-se satisfeito com tudo que foi exposto e relatou as inúmeras dificuldades vivenciadas durante o transcurso deste ano.

O secretário de Meio Ambiente de Maragogi, Gabriel Vasconcelos, ficou extremamente satisfeito com o trabalho mostrado por toda sua equipe, e ressaltou a importância da implantação do Plano Municipal de Saneamento Básico para a melhoria do turismo e da preservação do meio ambiente de Maragogi.

Texto? Suênia Ramos